Epigram 5.57

URN
Created on
By
Updated on

Descriptions

Codex Palatinus 23 p. 96

Texts


τὴν περιφρυγομένην ψυχὴν ἂν πολλάκι καίῃς,
φεύξετ᾽, Ἔρως: καὐτή, σχέτλι᾽, ἔχει πτέρυγας.

— Paton edition

Éros, se muitas vezes tu ateias fogo ao redor de uma alma que já foi queimada, ela vai fugir : ela também, desafortunada, tem asas.

— Luiz Capelo

Cities

Comments

#1

L'amour qui brûle

Ces épigrammes ont la métaphore de l’amour brûlant.

#2

Alma e borboleta

Nesse epigrama, a polissemia do termo ψυχή é importante para a construção da imagem presente no poema. ψυχή pode ser traduzido como alma, porém também como borboleta. Assim, Éros é o deus que faz com que as almas se consumam amorosamente, porém ele é também a criança que acende tochas ao redor das borboletas para assustá-las.

#3

Ψυχή en 5.57

Ψυχή signifie à la fois âme et papillon. (Waltz)

Alignments

External references

Last modifications

[2021-12-02 17:09] Epigram 5.57: Association of Sylloge Rufiana (1394) by “LuizCapelo

[2021-11-27 17:10] Epigram 5.57: Association of Couronne de Méléagre (181) by “LuizCapelo

[2021-11-21 22:03] Epigram 5.57: initial revision

See all modifications →